Estou entrando na 17 semana de gestação. Como me sinto? Nossa! Que pergunta difícil!!!

É uma delícia ser paparicada e mimada pelo meu marido, família e amigos. Quem não gosta de atenção e carinho??? Viver esse mistério da origem da vida também é muito mágico – esses dias minha irmã observou que é sentir que somos ‘natureza’ – Achei a descrição fenomenal! O que é mais natureza do que a própria vida? É lindo!!!

Estou de fato muito feliz! Sinto o amor aflorar de maneira incomensurável. Mas não posso negar que existem vários sentimentos rodeando meus neurônios. Dessa forma, quero explicitar o que me incomoda, pois o que me deixa feliz, todos nós sabemos… Pois todo mundo que fica grávida, diz!

Minha barriga está começando a ficar visível! Ao mesmo tempo que quero exibir a barriga, acredito que eu esteja com a auto-estima um pouco baixa. Digamos que não é muito comum, eu ser uma mulher “invisível”. Sou vaidosa e como uma boa leonina, gosto de chamar a atenção. Me vestir de forma discreta e com roupas largas, não me encanta.

Acho que algumas variáveis estão começando a surgir em minha mente, como não acontecera antes. Não quero me enganar quanto aos sentimentos – não quero ser hipócrita nesse assunto.

Estou chateada por ter que ficar afastada do trabalho; Estou chateada por eu não ter mais cintura; Estou chateada por não ser mais considerada bonita; Estou chateada por pensar que as pessoas podem olhar para mim e achar que sou/estou fraca (esse item é que inconsciente, uma grávida requer cuidados, logo as pessoas naturalmente poupam as grávidas!); Estou chateada em pensar que ficarei um pouco distante de meus projetos; Estou chateada por ser egoísta e não quero me anular; Estou chateada por estar chateada!

Advertisements